o céu do Oriente talvez tenha outra cor

É possível que ela percebesse a sutileza dos aromas dos mares se, em vez de em um boing, ela atravessasse o oceano em navios anacrônicos. Sobre as águas, sentiria o transitório, sentiria o movimento do tempo. O céu do oriente talvez tenha outra cor, as correntes do meio do Atlântico talvez sejam mais espessas ou escondam grandes monstros medievais. O horizonte se movimentaria à mesma proporção que o convés e o ponto de chegada seria uma promessa mais nítida.

De dentro do avião não se vê a lua.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s